Press release maio 31, 2016 05:00:00 CET

Metso cria área de otimização de processos

A nova área da Metso, chamada de PRO, sigla para Process Optimization ou otimização de processos em português, reúne – de forma integrada – especialistas em automação e em processamento mineral. A iniciativa faz parte da reestruturação da empresa em nível mundial.

“A área de Otimização de Processos apresenta um novo conceito de equipe multidisciplinar”, explica Boris Volavicius, gerente de Otimização de Processos. “A área reúne dez especialistas e tem como objetivo aproveitar essa sinergia para prover soluções de otimização, incluindo hardware, software, sensores avançados e serviços de consultoria”, detalha Volavicius.

O time conta com o suporte de dois centros de excelência da Metso, que integram a área PRO em nível mundial: experts em mineração sediados na Austrália e um grupo de especialistas em automação, baseado na França.

Em termos práticos, enquanto os especialistas em processos ficam responsáveis por avaliar a planta da mina à usina, realizar testes com o minério, modelar e simular para recomendar melhorias aos clientes, os profissionais de automação atuam no sentido de tornar os processos mais automatizados, com o uso de sensores, controladores e algoritmos otimizados que também se utilizam destas recomendações.

Volavicius esclarece que esse procedimento já acontecia, mas não de forma integrada. “Anteriormente, quando um engenheiro de software desenvolvia uma solução, por exemplo, para automatizar o processo do cliente, muitas vezes ele ficava refém de informações da mineradora ou então de consultorias terceirizadas”, argumenta. “Agora, com a sinergia entre as equipes, temos todo o know how para construir a melhor solução”, diz.

Os primeiros projetos da nova área já foram iniciados no primeiro semestre de 2016. A expectativa da empresa é de atender os mercados de mineração e agregados. “No entanto, existe a possibilidade de atendermos outros segmentos, como é caso de fertilizantes”, finaliza.