Press release setembro 21, 2015 05:00:00 CET
Share to Facebook Share to Twitter Share to Twitter More...

Avanco adota Filtro Prensa da Metso

A Avanco Resources, empresa australiana de exploração e desenvolvimento de projetos de cobre, adotou um filtro de prensa VPA 1540-20 da Metso no projeto que está construindo entre Curionópolis e Parauapebas, no Pará. A tecnologia da fabricante, que foi entregue completa no início deste ano e que está em fase de montagem, possui capacidade para processar cerca de 90 mil toneladas de concentrado por ano. O equipamento é similar ao utilizado pela planta de cobre da Vale em Sossego.

Para Ricardo Takeda, Gerente de Vendas da Metso, o diferencial da empresa foi oferecer uma solução de filtragem robusta que atendesse às necessidades da planta. “A Avanco é, sem dúvidas, um cliente muito importante e promissor para a Metso, pois está iniciando suas operações no Brasil agora”, diz.

Takeda também ressalta a estrutura que a Metso possui para dar suporte ao novo projeto: uma fábrica de serviços e um centro de distribuição localizados a cerca de 15 km da planta da Avanco. “Além disso, temos vasta experiência em operações de processamento de cobre, o que nos torna aptos a contribuir com o desenvolvimento e o sucesso deste projeto”, explica.

Entre as características do filtro de prensa fornecido, Ricardo Takeda destaca a construção robusta, adequada para operações de mineração; a precisão na fabricação das placas das câmaras de filtragem usinadas de polipropileno; a facilidade e rapidez na troca de tecidos do filtro (operação que pode ser realizada em minutos); poucas peças móveis que garantem a baixa manutenção e alta disponibilidade; e um sistema de controle por CLP (controlador lógico programável), para operação de filtragem automática e inteligente.

O empreendimento, que visa extrair minério da mina Antas North, entrará em operação a partir de 2016. O escopo da planta inclui uma cava simples a céu aberto, área para estocagem e homogeneização de minério bruto, planta de britagem em dois estágios, circuito fechado de moagem, três estágios de flotação, sistema de desaguamento e filtragem e instalações para o manuseio de rejeitos.

Quando estiver finalizada, a planta da Avanco vai produzir cerca de 45 mil toneladas de concentrado de cobre por ano – o que representa cerca de 12 mil toneladas de cobre contido. A exportação do concentrado será feita em contêineres e a granel, através do porto Vila do Conde, localizado a 800 km da unidade.

Compartilhar

Metso no Twitter