Blog: Go with the flow
Share to Facebook Share to Twitter Share to Twitter More...

Blog: Relembre os fatores que tornam uma válvula de controle confiável

Ao considerar questões de controle em uma planta de processo moderna, é fácil confundir-se por toda a sua complexidade. Normalmente, o sistema de controle é a parte em que os proprietários de planta se concentram mais. No entanto, algumas vezes é fácil se esquecer de que o último elemento de controle, a válvula de controle, determina o parâmetro de controle. Se o parâmetro for bom, então a base é boa para uma operação estável da planta. Então, o que um engenheiro experiente e um recém-graduado devem considerar sobre as válvulas de controle?

O conjunto da válvula de controle

O conjunto da válvula de controle e como ele é construído são os primeiros e os principais fatores a considerar. Este conjunto envolve uma válvula, um atuador e um posicionador. O ideal é que todos esses componentes sejam do mesmo fabricante para garantir que o conjunto seja projetado e testado para o seu bom funcionamento. Se a opção for para um conjunto de vários fabricantes, o principal responsável pelo desempenho geral deverá ser cuidadosamente indicado, o que não é um ponto menos importante para o elemento final de controle.

Seleção do material da válvula

Quando se trata da peça central do conjunto da válvula de controle, ou seja, a válvula, a seleção de seu material deve ter como base as necessidades específicas da aplicação. O tipo de internos é muito importante para se obter um controle eficiente. Normalmente, uma válvula de controle moderna conta com dezenas de tipos diferentes de internos a escolher. Eles vão desde internos normais aos do tipo Tendril de múltiplos orifícios (abaixo da figura à esquerda) – até do tipo Omega de múltiplos canais (abaixo da figura à direita) usados nas aplicações mais exigentes.

 

As variações nas características e capacidade de fluxo precisam ser respeitadas para os internos básicos. É importante fazer essa seleção cuidadosamente para obter o melhor desempenho possível de controle. Embora o controle permita algumas modificações com modernos posicionadores digitais, elas não podem fazer mais do que regular o comportamento se já houve um erro na seleção dos internos.

O músculo que movimenta a válvula - o atuador

O atuador é o músculo que movimenta a válvula. Em muitos casos, utiliza-se um atuador pneumático já que é seguro usar ar comprimido em praticamente todos os processos e o ar é encontrado facilmente em qualquer planta. Os atuadores pneumáticos oferecem baixo atrito e operação estável. É fundamental garantir que o equipamento seja bem testado e tenha uma longa vida operacional. Um atuador bem projetado pode proporcionar centenas de milhares de ciclos em operação livre de manutenção.

Posicionadores para um controle preciso


Os posicionadores têm se desenvolvido rapidamente nos últimos anos. Hoje, o posicionador digital é padrão para a maioria das válvulas de controle. Posicionadores digitais, como o Neles NDX, oferecem alta capacidade de ar para uma resposta rápida e diminuem a necessidade de instrumentação adicional. 

Além disso, os posicionadores digitais são dotados de recursos que permitem aos usuários finais obter precisão no controle. Eles também contam com calibração automática e diferentes ajustes. Os diagnósticos inteligentes podem verificar as condições da válvula e determinar o momento certo para manutenção.

Software para dimensionamento de válvulas

O dimensionamento da válvula de controle é outra área em que um moderno software oferece um grande benefício se comparado ao modo tradicional. Nas décadas passadas, a regra geral era que a válvula de controle deveria ser um ou dois tamanhos menores que a tubulação. Hoje, programas de seleção e dimensionamento, como o Nelprof, consideram a tubulação, as propriedades do fluido e o comportamento instalado da válvula, para escolher a válvula correta de acordo com a aplicação. É crucial, por exemplo, analisar o comportamento instalado e não apenas a curva característica inerente.

O básico não muda

No futuro, muitas inovações em eletrônica e softwares irão ajudar no suporte técnico a válvulas de controle. Porém, o básico não mudará. As características mecânicas de uma válvula, principalmente os internos, assim como a seleção e a qualidade geral do conjunto da válvula de controle, sempre terão um papel importante.

Por isso, é essencial encarregar a seleção da válvula de controle a um fornecedor confiável e especializado. Na Metso, estamos continuamente demonstrando que, quando entregamos soluções comprovadas em campo e de longo prazo e oferecemos alto profissionalismo, podemos fazer a verdadeira diferença para nossos clientes.


Blogger

Markus Hauhia

Diretor, Válvulas globo

Seus comentários são bem-vindos

Metso no Facebook

Metso no Twitter